22 de Fevereiro - Muita calma nesta hora!

February 22, 2018

 

Quando saiu o filme Divertida Mente, eu e meu esposo brincamos que há alguns anos ele era como o personagem chamado Raiva. Uma das frases deste personagem é: "Eu não me estresso, se você não me irritar!" Ele me disse frases como esta várias vezes em nosso casamento. Por ter crescido em um ambiente familiar enraivecido, consequentemente adquiriu este comportamento e quando estava nervoso me dizia: "Amor, é só você não pisar na bola assim e assim..., que não me aborreço!”.

O tempo passou e graças ao bom Deus, antes que tivesse um enfarto nervoso, ele entendeu que certos comportamentos eu podia mudar rapidamente, mas outros não, como por exemplo, a limitação de me lembrar de dar recados. Hoje, reconhecemos o quanto superei este comportamento, graças a sua compreensão e paciência comigo.

 

Se o seu esposo se atrasou para chegar em casa, se a sua esposa queimou a comida, se o seu filho não fez a lição de casa, ou se desapareceu com alguma peça do guarda-roupa, que tal antes de acusar, brigar ou se alterar, perguntar o que foi que aconteceu? Que tal ouvir com atenção a resposta da pessoa e respirar fundo antes de ter uma atitude que você possa vir a se arrepender depois?

Se você deseja ter uma família equilibrada e espiritualmente sadia, se esforce para ser mais tolerante. Gritos e ofensas verbais só vão piorar a situação. Diante do inesperado, ore, mantenha a calma e creia que Deus está no controle de tudo.

 

 

 

Amigos, nunca se esqueçam: aprendam a ouvir primeiro e a falar depois, e não deixem que a ira tome o controle. Quem se deixa dominar pela ira não faz a vontade de Deus. (Tiago 1:19-21, Bíblia A Mensagem)