8 de setembro - Uma chave libertadora

September 8, 2018

 

 

 

Uma porta se abre somente quando a chave é usada da maneira correta, não é mesmo? Do mesmo modo em nossa vida espiritual e familiar, portas só se abrirão se usarmos a chave certa. Podemos classificar como chaves espirituais: a fé, a confiança, a perseverança, o amor, a oração, a obediência e tantas outras. Mas quero evidenciar a chave espiritual chamada arrependimento. Existem muitas pessoas que não conseguem prosperar, porque deixaram pendências abertas no passado, diante de Deus, de familiares e amigos. E estas dívidas só poderão ser apagadas e a benção voltará a fluir, se houver um arrependimento genuíno das ofensas cometidas. A palavra arrependido no grego é metánoia que significa: mudança de mente, virar, dar a volta. Portanto, arrependimento não é apenas reconhecer o erro e continuar praticando-o. Arrependimento é admitir o pecado, confessá-lo e não praticá-lo mais.

Quando erramos somente diante de Deus, devemos nos arrepender e podemos confessar apenas para Ele. Mas, se falhamos com o nosso cônjuge ou com os filhos ou com os pais, etc., precisamos pedir perdão a Deus e também a estas pessoas.

 

Existe alguma situação em sua vida que precisa de arrependimento? Você já confessou a Deus o seu pecado? Já se arrependeu diante daqueles que você magoou?

O orgulho estava destruindo o rei Davi (Sl.32), o rei Ezequias (Ez.20) e a cidade de Nínive (Jn.3), mas quando eles se arrependeram com humildade, prontamente tiveram a sorte mudada! Onde havia um decreto de morte, voltou a existir vida.

Se preciso for, use a chave do arrependimento hoje e abra portas de sucesso para você e a sua família!

 

 

Não dá para encobrir os pecados e ir vivendo com eles;

mas, quando você os reconhece e abandona, encontra misericórdia. (Provérbios 28:13 - Bíblia A Mensagem)

 

Share on Facebook
Share on Twitter