28 de novembro - O poder da influência

November 28, 2019

O poder da influência

 

Nosso filho do meio quando pequeno, demonstrava muita facilidade em assimilar os sotaques regionais. Se estávamos no sul, em poucos dias ele já estava falando pontuado como os sulistas: "Mãe, posso ir brincar com o piá (menino) da rua debaixo?". Se no nordeste, ele dizia cantado: "Ôxe! Não quero comer esta comida naaaãoooo!" e assim por diante. Nos divertíamos com este seu jeito divertido de falar.

A verdade é que todos somos seres extremamente influenciáveis, uns mais, outros menos, mas todos nós trocamos influências quando nos relacionamos.

É poderoso saber que podemos tocar a vida daqueles que estamos por perto, mesmo que involuntariamente e a Palavra de Deus comprova este princípio no texto de I Co.7:14, aonde diz que o cônjuge não cristão pode ser santificado (hagiazo - αγιαζω), isto é, purificado internamente pela renovação da alma, separado das coisas mundanas, consagrado a Deus; Simplesmente pela convivência com um cônjuge cristão. E também os filhos podem ser santificados pela convivência com um pai ou uma mãe cristãos.

O outro lado desta verdade é a responsabilidade que precisamos ter com as reações, palavras e comportamentos diários dentro de casa, afinal podemos colaborar diretamente com a perdição ou  santificação do nosso lar.

 

Em momentos desafiadores em família você costuma levar uma palavra de desânimo ou de fé? Você reclama sem parar ou ora constantemente? Na hora da raiva fala palavrões ou palavras respeitosas?

 

Você pode colaborar com Deus transformar a sua família! Portanto a partir de hoje, procure ser mais cauteloso com as suas palavras e atitudes dentro da sua casa, ciente de que a sua influência abençoada, fará do seu lar um lugar de benção!

 

 

Porque o marido incrédulo é santificado no convívio da esposa, e a esposa incrédula é santificada no convívio do marido crente. Doutra sorte, os vossos filhos seriam impuros;

Porém, agora, são santos. (I Co.7:14)